quinta-feira, 13 de março de 2008

A TV que você não vê.....


TV Pública é criada só com os votos do governo
Aprovada a Medida Provisória (MP) que cria a TV Pública. Foi em votação simbólica.
Os senadores da oposição haviam abandonado o plenário por conta de uma manobra governista. Romero Jucá (PMDB-RR), líder do governo, deu um parecer contrário a uma MP relatada por ele e que seria discutida antes da TV. Fez isso para apressar a votação da TV criada por Lula.
Por força de uma MP editada por Lula no ano passado, o governo passou a conceder aposentadoria aos trabalhadores rurais autônomos. Mas em dezembro de 2007, essa MP chegou ao Senado para ser votada ali em meio às discussões em torno da prorrogação da cobrança da CPMF.
Para não atrasar a votação da CPMF, o governo editou uma MP revogando a MP que dava direito à aposentadoria para trabalhadores autônomos rurais. E só agora a nova MP chegou ao Senado, justamente na frente da que criava a TV Pública.
Por isso Jucá deu um parecer contrário à MP que revogara a outra MP, deixando o Senado livre para votar a MP que criava a TV Pública.
Não deu em outra. Um bate-boca generalizado tomou conta do plenário do Senado. E só acabou com a decisão da oposição (DEM e PSDB) de abandonar a sessão que estava em curso.
Sem a presença incômoda da oposição, os senadores que apóiam o governo aprovaram rapidinho a criação da TV Pública.
O Orçamento de 2008, que poderá ser aprovado às 15h desta quarta-feira, garante à TV R$ 350 milhões.
Senadores da oposição prometeram faltar à sessão desta tarde que votará o Orçamento em protesto à manobra protagonizada por Jucá na sessão que terminou há pouco.(Texto Blog do Noblat)

Um comentário:

Servidores disse...

Hello. This post is likeable, and your blog is very interesting, congratulations :-). I will add in my blogroll =). If possible gives a last there on my blog, it is about the Servidor, I hope you enjoy. The address is http://servidor-brasil.blogspot.com. A hug.