terça-feira, 19 de fevereiro de 2008

Arqueologia....


Depois de quase 50 anos no poder, o líder cubano Fidel Castro renunciou nesta terça-feira aos cargos de presidente e comandante das Forças Armadas de Cuba. Em um artigo publicado no jornal do Partido Comunista, "Granma", ele afirmou que não vai mais voltar ao poder. Seu irmão Raúl Castro , que assumiu o cargo após o afastamento de Fidel, em julho de 2006, continuará na Presidência até que a Assembléia Nacional eleita em janeiro escolha o sucessor oficial de Fidel. Os deputados terão 45 dias para anunciar a decisão, embora a permanência de Raúl seja o mais provável, segundo analistas. Texto: Blog do Noblat

Um comentário:

Ferra Mula disse...

È o povo cubano ainda vai continuar comendo "grama".
A múmia renunciou, mas não está morto.

http://ferramula.zip.net/